Monte Azul deixa o cargo após quatro jogos sem vitórias sob a gestão do pai de Neymar e do Sheik

Após uma série de jogos sem sucesso na Série A2 do Campeonato Paulista, o Atlético Monte Azul, time comandado pelo empresário Neymar da Silva Santos (pai do famoso jogador de futebol Neymar) e pelo ex-jogador Émerson Sheik, decidiu se separar do técnico Bruno Coutinho . A decisão foi anunciada na manhã de segunda-feira, após uma sequência de quatro jogos sem vitórias.

Coutinho, de 37 anos, estreou no Azulão, em São Paulo. Porém, o desempenho da equipe nas quatro primeiras rodadas da competição foi decepcionante, com um empate e três derrotas, colocando-a na última posição do campeonato estadual.

O primeiro jogo do Monte Azul resultou em empate contra o Ferroviário em casa, seguido de três derrotas consecutivas para Velo Clube (fora), Portuguesa Santista (casa) e Taubaté (fora).

Apesar das circunstâncias, o clube reconheceu o profissionalismo e carácter de Coutinho em comunicado, agradecendo-lhe os serviços prestados e desejando-lhe sucesso nas suas futuras empreitadas.

O Monte Azul volta aos campos da Série A2 na quarta-feira, para um jogo fora de casa contra o São Bento. A partida da quinta rodada está marcada para começar às 19h30.

Leave a comment