Itaú (ITUB4) recompensa acionistas com R$ 11 bilhões em dividendos

O Itaú (ITUB4) declarou um novo dividendo de R$ 1,125125 para cada ação. O banco também informou quando pagará os juros sobre capital próprio (JCP) já anunciados. Os dividendos somam R$ 11 bilhões. Os novos dividendos do Itaú são para o exercício de 2023 e são um pagamento extra aos que já foram declarados.

Os dividendos do Itaú serão pagos em 8 de março de 2024, mas apenas para os investidores que tiverem ações do banco até o final do dia 21 de fevereiro de 2024. O conselho também informou que os pagamentos de JCP do Itaú, já anunciados, serão pagos no mesmo dia.

Assim, o valor total de R$ 0,2693 por ação de JCP (após a dedução de R$ 0,228905 por ação) será entregue aos acionistas do Itaú em 18 de setembro de 2023, e a última data para recebê-lo é 6 de dezembro de 2023.

No total, os investidores que tiverem ações do Itaú nessas três datas receberão R$ 1,564184 por ação em dividendos e juros sobre capital próprio em 8 de março de 2024. Itaú aprova novo programa de recompra de ações.

Além dos ganhos do Itaú, o conselho de administração decidiu encerrar o programa de recompra de ações que foi aprovado na reunião de 25 de agosto de 2022, antes do previsto. Em teoria, ele terminaria em 24 de fevereiro de 2024.

Ao mesmo tempo, o conselho aprovou um novo programa de recompra de ações, que começa hoje (5), e que permite a compra de até 75 milhões de ações preferenciais emitidas pela empresa, sem alterar o valor do capital social.

As ações do Itaú compradas serão armazenadas em tesouraria, canceladas ou vendidas novamente.

Leave a comment