Alunos do terceiro ano receberão incentivo financeiro para fazer o Enem

Na terça-feira (16), o ministro da Educação, Camilo Santana, anunciou que os alunos do terceiro ano do ensino médio receberão incentivo financeiro para participar do Exame Nacional do Ensino Médio (Enem). A revelação aconteceu durante coletiva de imprensa onde foram divulgados os resultados do Enem 2023, e o ministério também divulgou os resultados de desempenho individual dos participantes.

Segundo o ministro, o presidente Luiz Inácio Lula da Silva deve aprovar na terça-feira a lei que institui o programa Pé-de-Meia. Esta iniciativa visa proporcionar uma bolsa de poupança para estudantes economicamente desfavorecidos concluírem o ensino secundário. “Posso dizer aqui que também haverá incentivo para os jovens que fizerem o Enem.”

Ele disse que “Será uma forma de incentivar os jovens do ensino médio regular que receberão esse auxílio financeiro nos 3 anos do ensino médio, mas, no último ano, no 3º ano, receberão um percentual, um valor para fazer a prova do Enem.

Ele disse “Precisamos convencer e mostrar que, primeiro, não há custo para o jovem. Depois, que é a oportunidade que ele tem de acessar o ensino superior. Não há motivo para os jovens não fazerem o Enem”.

Estatísticas do ministério revelam que aproximadamente metade dos alunos que concluíram o ensino médio em 2023 participaram da edição mais recente do Enem. Outro aspecto preocupante, segundo Santana, é que entre os que se inscreveram, muitos não realizaram o exame. Dos 1,4 milhão de concluintes do ensino médio que se inscreveram para o exame, apenas 1 milhão participou ativamente.

Enem

“Precisamos identificar os motivos em cada rede, em cada estado. E dialogar com as redes para identificar os motivos disso”, comentou.

Leave a comment